domingo, 20 de dezembro de 2009

mamae, papai noel existe?

Mamãe, Papai Noel existe? Quando contar a verdade para seu filho

papai noel

‘Mãe, Papai Noel existe?’ Que mulher nunca ouviu essa pergunta do filho pequeno ou teme escutá-la a qualquer instante? Dezembro, além de ser o mês mais corrido do ano, é o momento em que mães e pais do mundo inteiro correm o risco de serem confrontados com essa polêmica questão. Afinal, qual é a idade certa de contar aos rebentos que o velho barbudo não existe?

Leda Pelegrini, a diretora pedagógica do Espaço Educação, colégio na Zona Sul carioca, é categórica. “Não tem idade certa. É algo muito pessoal e depende cada criança”, diz ela.

Manuela Gusmão tem 5 anos e ainda acredita em Papai Noel. “Acho legal, é importante para o universo simbólico dela”, diz sua mãe, a professora de inglês Cristiana. “Já tem muita realidade para as crianças lidarem nos dias de hoje. Pais que trabalham fora, muita televisão... O fato de a Manu acreditar é bacana, pois ela fantasia, escreve a cartinha, fica esperando, o processo todo é uma delícia”, analisa a mãe.

'Papai Noel é o que tem melhor dentro da gente'
Leda fala de sua experiência no Espaço Educação: “Tem criança de 10 anos que ainda acredita e outras bem menores que já não aceitam. A mãe precisa desenvolver uma sintonia fina com o filho e perceber o momento certo de falar. O espírito de Natal não nasceu à toa, fala do afeto, do cuidado com o outro, e isso é muito bacana. Papai Noel é o que tem melhor dentro da gente”.

Ana Nogueira, assistente de marketing e mãe de Lucca, de 3 anos, descobriu recentemente que seu filho não acreditava mais no Papai Noel. “Quando fui chamá-lo para escrever a cartinha pedindo o que desejava ganhar, ele respondeu na lata: ‘Mãe, Papai Noel não existe. Você é que tem que comprar os presentes’. Fiquei arrasada. Eu acreditei até os 7 anos e foi tão bom... Mas procuro estimular nele a solidariedade, a importância de a gente doar brinquedos e roupas nessa época do ano”, conta ela.

A pedagoga Leda ressalta uma questão importante: “Apesar da comercialização do Natal e com a sociedade voltada para o consumo, é importante estimular a magia e o mistério natural das crianças. A doação, a generosidade e a solidariedade, isso sim, devem permanecer pra sempre”.


http://gnt.globo.com/Materias/Mamae--Papai-Noel-existe--Quando-contar-a-verdade-para-seu-filho.html

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

voltando a forma após o parto....

Como perder peso de maneira saudável após o parto

Não é preciso pressa para voltar à antiga forma depois que o bebê nasce. O melhor é aproveitar a fase nova com o bebê e entender que o processo da perda de peso pode levar até seis meses


Ana Paula Pontes


Shutterstock

Você acabou de ter um bebê. É hora de conhecer esse novo integrante da família, se adaptar à mudança da rotina, à amamentação. Agora não é mesmo o melhor momento para uma preocupação excessiva com a perda de peso.

No entanto, geralmente não é o que acontece com algumas mulheres, principalmente as celebridades que querem voltar à mídia com a barriga sarada poucos dias após o parto. Dias desses, porém, fugindo à regra, a cantora Ivete Sangalo voltou aos palcos mostrando que não está preocupada em perder peso a todo custo. E está certa.

Este ano, o German Institute for Quality and Efficiency in Health Care (IQWiG - em tradução livre Instituto Alemão de Qualidade e Eficiência em Saúde) trouxe em debate a pressão que as mulheres têm com o corpo no pós-parto, principalmente quando se espelham nas dietas milagrosas e corpos perfeitos que as atrizes desfilam pouco tempo depois de terem se tornado mães.

A média para perder o peso adquirido na gestação pode ser de até seis meses, e se estender um pouco mais para aquelas que já estavam acima do peso quando engravidaram ou engordaram além do necessário durante os nove meses.

O ideal é que os quilinhos vão embora de forma forma saudável e tranquila. Confira algumas dicas de como dar uma força para o seu corpo:

- Medidas radicais jamais. Elas podem prejudicar não somente a amamentação, mas também a sua disposição para as novas atribuições com o recém-nascido;

- Amamentação como grande aliada. Amamentar ajuda você a perder peso mais rapidamente e fortalece o vínculo entre mãe e filho (sem contar que é uma delícia!);

- Atividade física e bem-estar. Praticar exercícios assim que seu obstetra liberar também traz benefícios para a sua saúde em geral. Mas isso não quer dizer que você possa ou deva fazer uma atividade “pesada”. O Instituto alemão reuniu algumas pesquisas sobre as melhores formas de perder peso após o parto. E os resultados mostraram que exercícios intensos não levam à perda dos quilos extras.

- Dieta equilibrada e saudável sempre. Ela ajuda as mães a reduzir o peso após o parto sem afetar a amamentação. Aposte nisso!

http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI78709-10586,00-COMO+PERDER+PESO+DE+MANEIRA+SAUDAVEL+APOS+O+PARTO.html

domingo, 13 de dezembro de 2009

O chá de fralda da Giulia





Bem, depois de meses (sim, foram meses) de organização, semana passada foi realizado o chá de fralda da Giulia.

Meses atras, postei os 8 passos para um chá de bebe perfeito
e agora que ele se realizou (não quer dizer que foi perfeito) vou analisar o que postei, e o que deu ou não certo.

1. Quem, quando e aonde. - inicialmente - iria fazer dia 21 de novembro, no salao de festa do predio, mas não deu. Acabou mudando para 5 de dezembro. Esta antecedencia foi otima, principalmente para quem dependia de uma reserva no salão. Se não tivesse conseguido o salao (fiz a reserva em outubro!) teria que usar o plano B - casa da mamae.....uma coisa que vi - tenha sempre um plano B, se não der certo o original, voce já tem uma saída.

2. Todas as pequenas coisinhas - se fosse para fazer do jeitinho que eu queria, seria uma festona!!! praticamente um aniversario de um ano! a equação pro chá de fralda é a seguinte - se voce vai gastar mais na festa do que o ganho de fralda, compre as fraldas e não festeje. Se voce fizer com antecedencia, voce mesma pode fazer a perfumaria, o que vai te poupar um precioso dinheiro. Exemplo - centro de mesa - precisar, não precisa, mas fica bonito. Faça voce mesma. Os meus eu fiz topiarias de flores de crepom (que é um papel baratissimo). Lembrancinha - SIM, tá na lista dos superfluos, mas é um agrado que faz a diferença. Comprei potinhos, brigadeiro, e entreguei brigadeiro de colher. Saiu 80% mais barato do que se comprasse a lembrancinha pronta. Claro que só fiz isso porque tive TEMPO. Se não tiver, não se estresse. Já temos caraminholas demais na cabeça neste final de gravidez.

3. Escolhendo o Tema - ISSO é lindo se as festas tematicas não fossem tao caras!!!! vale, então, os temas mais baratos - para menina - O JARDIM DA ...... ou entao nem faça tema!!! ninguem vai reparar!

4. A lista de convidados - quem já fez festa sabe que esta é a PIOR PARTE dela. A bendita lista de convidados. Fiz um chá só para mulheres, mas quem perguntou se poderia levar o marido, não barrei. Imagine sua amigona de infancia, com um bebe de 3 meses, doida pra ir pro seu chá. Como ela vai sem o marido? ela não vai, né??? Normalmente é uma festa só para mulheres mesmo, mas não vale a pena barrar todos os homens.


5. Vamos FAzer uma festa!!!! olha, com tempo, voce consegue fazer tudo sem se estressar. Os convites fiz no computador (thank you photoshop!!!!), decoração foi inspirada (e copiada) do site da martha stewart (essa é a fonte!!!!), claro, tudo tem que ser feito dentro do seu orçamento. Não tive brincadeiras (quem mandou ter mais de 3.0...heheheh) mas elas sao validas!

6. o que vai ser servido?
Olha, com base nos convidados, voce monta o que vai ser servido. Posso te dizer, o simples é o que mais agrada. Encomendei - 2 tabuas de frio, 4 paes de metro, cachorro quente, coxinha, quibe, empadinha. Os paes foram esquecidos, mas os salgadinhos e o cachorro quente!!!!! outra coisa que saiu bem foram os patês e os paes. Ah, fiz um antepasto de berinjela também, este foi o sucesso!!!!

7. Lembrancinha....
é um mimo com o convidado e não deve custar os olhos da cara. Veja algo simples, bonito, faça um cartaozinho de agradecimento (pode ser o bebe agradecendo, como eu fiz, ou entao convidando para conhecer o futuro quartinho assim que nascer, ou até mesmo convidando para uma visita futura na maternidade). Se não fizer - ninguem vai deixar de gostar de você!!!!
8. O Arremate Final
Papai do Céu coloca as pessoas certas nas nossas vidas!!!!! Embora eu tenha convocado um pelotão de elite para me ajudar, o pelotao não compareceu...hehehe mas um casal amigo nosso ajudoua recolher tudo, subiu com as fraldas,praticamente fez o trabalho sujo. Eles foram super hiper mega importantes!!!!!! Tenha sempre alguem para te ajudar. Seus pés estarão 2 paes de queijo. Tenha, sempre, um plano B.


32 semanas de gravidez

Você está grávida de 32 semanas completas, ou seja, está na 33a semana (e no oitavo mês). *sim, estou!!!!

Como seu bebê está crescendo

Se você está esperando um menino, os testículos dele já devem ter descido até o saco escrotal. Às vezes, quando o bebê nasce, um dos testículos (ou os dois) não chegou à posição definitiva, mas não há razão para se preocupar.

Os casos de criptorquidia (testículos que não desceram) costumam se corrigir sozinhos até a criança completar 1 ano de idade. Leia mais sobre o desenvolvimento do bebê esta semana.

Você deve estar engordando cerca de meio quilo por semana, e mais ou menos metade disso vai direto para o bebê. Nas próximas sete semanas, o bebê adquire entre um terço e metade do peso com que vai nascer, acumulando gordura para conseguir controlar a temperatura do corpo fora do útero.

ah, bom....eu não estou engordando isso por semana, infelizmente, mas quase o dobro disso!!! já fiz, refiz a dieta...e nada de melhorar o ganho exagerado de peso!!!!!!

Graças a essa gordurinha saudável, a fisionomia dele fica mais rechonchuda, e a pele, menos enrugada.

Ah, bom, sabia que tinha um porque nisso tudo...heheheh

Planeje-se

Não é preciso correr para a maternidade no estágio inicial do trabalho de parto, que pode demorar bastante. Você pode aproveitar para descansar, dar uma caminhada ou tomar um banho (quente ou frio, o que apetecer mais), enquanto monitora as contrações.

Vai ter o bebê em outra cidade? Converse com o médico para se programar. As viagens de avião só são permitidas até a 36a semana, mesmo assim com um atestado médico detalhado.

Bem, viajei com 30 semanas, e digo - É CANSATIVO!!!!! primeiro que sou medrosa demais com avião, entao já vieram todos os traumas de assistir acidentes aereos no nat geo, toda segunda feira (tenho que mudar os programas que assisto, heheheh), depois que pega mala...tira mala...pára pra fazer xixi.....coloca mala no carrinho,....volta pro banheiro pra fazer xixi....nunca na historia deste país alguém fez tanto xixi em tão pouco tempo!!!!!

O lado B da Gravidez

Achei esta lista no fórum do e-family (da usuaria Selmy). Estou copiando, colocando!!!

* vc tem um sono incontrolável, como se estivesse chapada

* vc fica com a perereca engordecida - sim, porque até a bendita engorda ! Fica parecendo as bochechas do Fofão !

* vc sente dores por tudo - costas, pés, pernas, enfim... lá também, na 'perse' pois eles pesam bem no ossinho, no períneo, são espaçosos...

* vc não enxerga mais a 'perse' depois de um certo tempo, vc sabe que ela não saiu de lá pois continua fazendo xixi e sente que ela tá lá, mas não a vê, e agora no final, mal consegue posicionar o espelho prá reconhecer a bicha

* vc adquire um figurino xuper xéxy - meias de compressão, cintas, sutiãs de sustentação, suporte pançal... a tiazinha que se cuide ! É muito sado-maso numa pessoa só.

* vc se torna a pessoa mais gasosa do universo, daria prá encher um balão inteiro e sobrevoar o Château de Chambord - o bb comprime todinho seu sistema digestivo, vc fica com azia, dor de estômago, refluxo e muuuitos gases, o médico te dá remédios que funcionam como uma espécie de rotorooter, ou seja, à noite, quando vc se vira, os gases sobem ou descem tooodos (e não são mais nem discretos nem inodoros !!!)

* além desses gases serem um estraga-prazeres das horas H, tem também aquela coisa do maridão chegar por trás todo quentinho, vc se virar prá ele e dizer : ai, amor, aproveita que vc tá aí e me faz uma massaginha na lombar ??? (variantes : nos pés, nas pernas, onde doer !)

* vc vaza líquido pela perseguida o tempo todo, a ponto de achar que mijou nas calçolas - mas não mijou não !!!! E tem mais, vc vaza ainda mais depois do oitavo mês, uma coisa linda de viver, como diria a Hebe !

* vc não sai da privada, faz xixi a toda hora - e quando pensa que acabou, sai mais. E quando volta a dormir no meio da madrugada, senta na beira da cama e sente que mais um pingo desceu (no dia seguinte ou na mijada seguinte, vc vê se foi de xixi ou de umidade da 'perse' mesmo)

* por conta desse xixi todo, se seu marido passa com o carro numa rua esburacada, há perigo de vazamento !

* vc sente falta de ar como se tivesse corrido a marathona, enquanto que só colocou as meias de compressão (lembrando : xuper xéxy !) .

* vc tem dificuldades em se depilar sozinha - lembrando que se torna extremamente perigoso tentar depilar a 'perse' e a virilha a certa altura do championnat ! Aliás, vc tem que confiar cegamente numa depiladora, afinal, vc não enxerga nada do que ela tá fazendo !

* vc não deita mais na cama, você rola - vc se torna um tatu-bola gigante e obeso que precisa rolar porque não tem mais leveza alguma prá sobreelevar esse corpinho que já foi de violão algum dia e agora tá mais prá bumbo. Detalhe : teu marido fica com medo de ser massacrado numa dessas roladas, caso seu sistema de freio (travesseiro) não funcione !

* vc adquire quatro outros amantes além do marido : quatro travesseiros, dois na cabeça, um no meio das pernas, um embaixo da barriga.

* vc de repente pode sentir o maior calorão em pleno inverno e isso não quer dizer que a gestação venha acompanhada de menopausa ! Um médico me deu uma explicação altamente dispensável : é que sua ADIPOSIDADE está consideravelmente aumentada... (tá, alguém perguntou ???)

* vc se torna a prima do Garfield ao caminhar e, como ele, diz : puxa vida, não vejo mais meus pés !

* por conta disso, vc não alcança mais seus pés, sequer prá cortar as unhas !

* vc adquire um andar gracioso de pata, e fica pensando 'puxa vida, será que um dia vou conseguir fechar as pernas novamente ?
'
* tua cachorra volta te procurar na escada porque acha que vc não subiu, quando - de fato - vc sobe dois degraus e descansa três (ela deve te achar uma lesa)

* vc bebe água como uma refugiada do Saara e sente fome como se tivesse chegado da Etiópia, principalmente daquilo que é proibido comer

* vc pode inchar, como se tivesse botado o dedo naqueles enchedores de bexiga, ainda que nem coma tanto sal assim - e nisso, vc deixar de usar aliança, alguns sapatos, etc.

* sua pele e seus cabelos podem melhorar enormemente, assim como podem ficar detonados como uma recém-chegada da guerra (e dificilmente tem coisa que dê jeito)

* vc fica com medo de pintar a juba e ela vai ficando descolorida e sem graça, ou vc passa um treco que nunca passou, só de medo de prejudicar a gestação, e fica um droga !

* apesar de todos os cuidados de hidratação, vc se enche de estrias como se fosse uma pista de cross

* vc pode ficar com manchas no rosto e com a incerteza de que as danadas realmente sumam com o fim da gestação

* vc fica com mais medo ainda de cárie nos dentes e com duas vezes mais chance de tê-las

* vc é chamada de cão farejador toda vez que sentir um odor desagradável a 5 km de distância, quando antes, sua rinite te impedia

* ao contrário, vc nunca teve nada ou tinha e piorou : suas vias respiratórias vivem entupidas e vc respira mal, a boca seca, vc toma água de madrugada, isso significa mais xixi... ou às vezes, vc passa a roncar nos ouvidos do amado ! Tudo bem que prá algumas isso possa soar como uma doce vingança, mas nem sempre...

* vc olha pro seu guarda-roupas com ar desolado e se pergunta se algum dia vai voltar a usar calças que não sejam de palhaço ou do Papai Noel

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Caminhadas durante o terceiro trimestre da gestação

Caminhadas durante o terceiro trimestre da gestação

Exercícios físicos ajudam a grávida a manter a forma, mas é preciso regular a intensidade


Suzana Dias


Fernando Martinho
Não deixe os exercícios de lado no terceiro trimestre. Mas leve em conta se você se encaixa na categoria iniciante, que não costuma se exercitar, na intermediária, que pratica alguma atividade física com regularidade, ou na avançada (é praticamente uma atleta). Confira as indicações para cada um dos perfis durante o 3º trimestre.

Iniciante
Você está na última fase da gestação. Força de vontade: é hora de melhorar seu condicionamento.
Caminhe três vezes na semana, 30 minutos sem parar, espaçando os dias. Porém, não exagere no ritmo: nada de ficar de língua de fora! Reserve os dias livres para se dedicar aos últimos preparativos para a chegada do bebê, o que também irá exigir de você fisicamente.

Intermediária
Sua barriga cresceu e, por mais que você se sinta bem e seu médico lhe dê nota 10, é hora de diminuir a intensidade dos exercícios. Modere. Caminhe, sim, três vezes por semana, mas consciente da sua situação. Que tal entre 20 a 35 minutos? Se você estiver com mais pique, poderá chegar aos 30 ou 40 minutos, desde que se observe e tome cuidado para não exagerar.

Avançada
Aqui, sim, você vai diminuir o ritmo. Experimente descansar um pouquinho durante as caminhadas. Faça isso sem parar totalmente, diminuindo a velocidade. Sua barriga deve estar pedindo calma. Caminhe de 35 a 45 minutos, medindo a freqüência cardíaca e mantendo a respiração tranqüila. É hora de descansar e começar a planejar a sua volta à atividade física após o parto.
http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI920-10553,00.html

Como reduzir o inchaço na gravidez

Como reduzir o inchaço na gravidez

Algumas medidas simples, como colocar as pernas para cima, aumentar o consumo de líquidos e frutas, ajudam a amenizar a retenção de líquidos, especialmente nos dias quentes


Shutterstock

O inchaço durante a gravidez, principalmente nos membros inferiores, é muito comum. Normalmente, tudo começa com uma sensação de peso nas pernas. Depois, as sandálias ficam apertadas ou simplesmente não servem mais. Até os anéis e as pulseiras não entram nos dedos e braços. Isso acontece porque, durante a gravidez, existe um aumento na quantidade de sangue e líquidos no organismo em geral. O sistema circulatório sofre uma alteração e, quando não dá conta, gera o problema. O crescimento do útero, que acompanha o desenvolvimento do bebê e comprime os vasos da região pélvica, também prejudica a circulação. A dificuldade é que, no verão, todo esse processo tende a ficar mais lento ainda e aumenta o inchaço. Para evitar o problema, a grávida deve praticar atividade física regular em locais e horários mais frescos do dia, não ganhar peso exessivamente, aumentar a ingestão de proteínas na dieta e hidratar-se.

Segundo o médico e fitoterapeuta Alex Botsaris, certas frutas têm ação diurética e aliviam a retenção de líquidos.“Recomenda-se, ainda, beber muita água [de 2 a 3 litros por dia], diminuir o sal na comida, evitar o calor e elevar as pernas por 15 minutos três vezes ao dia”, completa Botsaris. Uma maneira gostosa de garantir a ingestão das frutas diuréticas, como melancia, melão, abacaxi e carambola, é preparar uma salada de frutas bem refrescante usando um pouco de todas elas. A laranja pode ser espremida para formar a calda da salada. No verão, não tem sobremesa melhor.


Divulgação
Escalda-pés contra o inchaço

A podóloga Tatiany Kermesse dá uma receita simples de escalda-pés: esquente água suficiente para encher uma bacia, coloque duas tampinhas de álcool e um punhado de sal grosso. Depois do escalda-pés, uma hidratação profunda também vai bem. Passe um creme específico para a área (menos entre os dedos) e coloque uma meia de algodão por meia hora. O resultado é um pé macio e cheiroso. Para quem quiser um cuidado completo, esfoliantes e desodorantes também são uma boa dica. Siga em frente!

http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI909-10566,00-COMO+REDUZIR+O+INCHACO+NA+GRAVIDEZ.html

domingo, 22 de novembro de 2009

Contando os chutes do bebe!!!!

Voce já contou os chutes do bebe hoje?


Agora que voce passou da semana 28, conte-os todo dia. Para garantir que voce faça a contagem, e também para que esteja tudo bem com o bebe, tenha o habito de contar 2 vezes ao dia, uma vez pela manhã, uma vez a noite. Melhor se conseguir fazer a contagem deitada. Se não for possível, sente-se. Conte todo e qualquer movimento (mesmo que seja só rolando pela sua barriga) até que chegue a 10. Se não atingir 10 em uma hora, faça um lanchinho e tente de novo - o açucar no seu sangue vai ligar o bebe. Se derem menos de 10 movimentos em 2 horas, é melhor ligar para o seu obstetra. Sim, vai estar tudo ok, mas é melhor pecar pelo excesso do que pela falta.

fonte: http://www.whattoexpect.com/pregnancy/week-by-week/week-29.aspx

domingo, 15 de novembro de 2009

28 semanas de gravidez - já escolheu o nome?

Você está grávida de 28 semanas completas, ou seja, está na 29a semana (e no sétimo mês).

Como seu bebê está crescendo

O bebê já abre os olhos e vira o rosto se houver alguma fonte de luz intensa. As unhas estão se desenvolvendo, e camadas de gordura se formam sob a pele, nos preparativos para a vida fora do útero.

Se você gosta da ideia de interagir com o bebê mesmo antes de ele nascer, uma boa maneira de fazer isso é ler ou cantar para ele. Não se preocupe se você se sentir desconfortável -- nem todo mundo gosta destas coisas.

Como fica sua vida


Não falta muito. O último trimestre começa esta semana e vai até o final da gravidez, por volta da 40a semana. A maioria das mulheres engorda cerca de 5 quilos nos últimos três meses.

Você deve estar oscilando entre dois sentimentos: o primeiro é: "Não aguento mais, parece que faz séculos que estou grávida". E o outro é: "Socorro, não estou pronta, não vou saber o que fazer". Calma, você não é a única a se sentir assim.


É bom se manter informada sobre todas as possibilidades de parto. Saiba exatamente o que acontece numa cesariana ou quais são os instrumentos usados para ajudar seu bebê a nascer de parto normal.

Dicas úteis

Arrume a mala da maternidade com bastante antecedência, para o caso de você ter de ir antes do que imagina, e aprenda a reconhecer os sinais de que o trabalho de parto começou.


E O BEBÊ?
Você chegou à reta final. O terceiro e último trimestre da gravidez começa oficialmente na 29a semana, que se inicia agora, é vai até o termo, a conclusão da gestação, entre 37 e 42 semanas. O ganho de peso é mais rápido: a maioria das mulheres engorda em média 5 quilos só neste trimestre.

O bebê abre os olhos e vira a cabeça se perceber uma luz forte fora da barriga. A camada de gordura sob a pele está se formando.
É provável que você esteja dividida: por um lado, parece que faz séculos que está grávida; por outro, pode começar a ficar ansiosa e preocupada com a aproximação do parto e da chegada do bebê.

Para amenizar o nervosismo, pode ser útil elaborar uma lista de coisas a fazer. Além de tentar decidir de vez o nome do bebê, comece a pensar concretamente em como vai ser a vida depois do nascimento do seu filho.

Nas últimas semanas da gravidez, você deve começar a ir ao médico com mais frequência.

• Obs.: Segundo os especialistas, cada bebê se desenvolve do seu jeito -- mesmo dentro do útero. O objetivo destas páginas sobre desenvolvimento fetal é dar uma idéia geral de como o feto cresce dentro da barriga.

--------------
socorro!!! não posso engordar 5 kg agora não!!! :)

sábado, 17 de outubro de 2009

Cólica - Estudo aponta que bactéria que irrita o intestino pode ser a causa

Nada é tão preocupante para uma mãe do que o choro do seu filho recém-nascido. E, quando não é fome, frio, nem a fraldinha suja, elas logo imaginam a temida cólica. A dor persistente, que aflige os bebês nos três primeiros meses de vida, provoca um choro intenso e, em geral, piora de madrugada, para desespero dos pais. Apesar do impacto que provoca na vida da família, ainda não se sabe exatamente a causa do problema. A boa notícia é que um estudo acaba de apontar uma luz no fim do túnel. Pesquisadores americanos descobriram que muitos bebês que sofriam com cólicas tinham uma bactéria. O nome desse bichinho infernal é klebsiella.

Segundo J. Marc Rhoads, professor de pediatria na Universidade do Texas e principal autor do estudo, essa bactéria pode ser encontrada na boca, na pele e nos intestinos dos pequenos, onde seria capaz de causar uma inflamação, desencadeando a cólica.

Apesar de nunca ter imaginado que suas noites em claro com o primeiro filho podem ter sido culpa desse bichinho, Raquel Constantino, de 30 anos, conta que descobriu um jeito de aliviar as dores do segundo filho:

— Faço uma leve massagem na barriguinha do Miguel. Ele se diverte com o carinho e para de chorar na hora.

Massagem é ainda o melhor

Estudos científicos relacionam as cólicas a causas ambientais, mostrando que bebês que nascem durante o inverno têm mais predisposição às dores do que aqueles que nascem no verão. Outras pesquisas sugerem que o vínculo entre mãe e filho durante a gestação e o parto também influencia. Há ainda uma corrente que aposta que as cólicas são mais frequentes nos bebês de hoje por causa do aumento de partos cesarianos. Ou seja, o estudo da Universidade do Texas vem somar mais uma possível causa para o problema: uma inflamação no intestino do bebê causada pela bactéria klebsiella.

Para o gastropediatra José Cesar Junqueira, professor da UFRJ, no entanto, o número de crianças que apresentam essa bactéria é bem pequeno. Para ele, o único remédio com eficácia comprovada para aliviar as cólicas é o leite materno:

— É a fonte mais rica em lactobacilos, que irá estimular a flora intestinal do recém-nascido e a proliferação de bactérias benéficas.


A psicóloga e mãe de primeira viagem Ana Paula Fonseca está aflita por causa das cólicas da filha, de apenas 1 mês.

— Dá uma agonia, já apelei até para o chá de funcho.

A Sociedade Brasileira de Pediatria não recomenda o uso de probióticos e afirma que o mais indicado é massagear a barriga do bebê.



Mitos e verdades

Massagem
Para a Sociedade Brasileira de Pediatria, a massagem diária, especialmente a realizada no fim de tarde, é o método mais seguro para combater as cólicas.

Alimentação
Muitas mães fazem uma dieta rigorosa com medo de que a ingestão de determinados alimentos possa interferir nas cólicas do bebê, evitando, por exemplo, feijão e repolho. Mas, de fato, a única recomendação é evitar alimentos que contenham cafeína, como café, refrigerantes de cola e chocolate.

Leite
Não há estudo científico que comprove que leite em pó hipoalergênico ajude a reduzir as cólicas. Para os médicos, o mais indicado e seguro é oferecer leite materno.

Funcho
Encontrado em farmácias de manipulação, o funcho é conhecido como um santo remédio contra cólicas. Na verdade, o chá age como calmante e não ataca diretamente o problema.

http://extra.globo.com/saude/bemviver/#232792

domingo, 4 de outubro de 2009

Mantendo a forma física durante a gravidez Durante a gravidez


SAÚDE DA MAMÃE
Mantendo a forma física durante a gravidez


Controlar o peso durante a gravidez é muito mais simples do que parece, não exige milagres e não requer que a futura mamãe passe fome, ao contrário, para uma gestação saudável, e com aumento de peso dentro do ideal, basta uma alimentação equilibrada.

Algumas regras são básicas. Durante o período gestacional a grávida não poderá "passar fome" para não engordar, não deverá recorrer a remédios milagrosos, nem tão pouco forçar nos exercícios físicos - recursos que no dia-a-dia muitas mulheres usam quando estão desesperadas com alguns quilos a mais. Não havendo saídas milagrosas, o jeito é controlar a ingestão de alimentos desde a descoberta da gravidez, o que não deve preocupar as futuras mamães, pois todos os especialistas destacam que nesse período o consumo calórico médio da mulher deve subir, passando de 2.200 calorias por dia para 2.500, ou seja, ninguém recomendará que uma grávida passe fome.

Aliás, é bom que as futuras mamães saibam que não devem fazer regime na gravidez porque a perda de peso, com a queima de gorduras, gera substâncias que poderão resultar na má-formação da criança. A alimentação é extremamente importante em todas as fases da gestação, pois interfere no desenvolvimento do bebê, no trabalho de parto e até no leite materno. Porém, a dieta na gravidez não é nenhum sacrifício. É uma dieta comum e balanceada visando atender às necessidades da futura mamãe e do bebê. A alimentação deve ser basicamente hipocalórica, ou seja, com poucos alimentos energéticos e hiperprotéica, com a ingestão de alimentos construtores, ricos em vitaminas e sais minerais, e rica em frutas, verduras, cereais integrais, líquidos e fibras que amenizarão a possibilidade de constipação - intestino preso - o que costuma aumentar em conseqüência da maior pressão do útero sobre o trato gastrointestinal e da natural diminuição da atividade física, além de outros fatores.

A nutricionista Denise Madi Carreiro, autora do livro "Entendendo a Importância do Processo Alimentar", dá conselhos simples, que podem ser seguidos pelas grávidas para a manutenção saudável do peso: - Fazer de cinco a seis refeições por dia;

* Ingerir ao menos uma fruta em cada refeição, pois as mesmas ajudam a equilibrar a glicemia e a manter energia regular para o sistema nervoso central;
* Evitar alimentos refinados como doces, bolachas, pães brancos, etc;
* Ingerir salada verde e crua, tanto no almoço como no jantar;
* Comer no máximo 100 gramas por refeição de alimentos do grupo do arroz, do feijão e da carne.

A especialista, que na abertura de seu livro destaca que "a alimentação é um dos fatores comportamentais que mais influenciam a nossa qualidade de vida" comenta que não há nada proibido para a grávida, "porém é importante fazer das coisas mais saudáveis um hábito. Evite ingerir em excesso produtos químicos e industrializados, açúcar, adoçantes que contenham aspartame, sacarina ou ciclamato, optando pela frutose natural ou adoçantes à base de estévia. Cafeína e álcool também devem ficar longe da gestante", ressalta.

Os exercícios físicos, muito recomendados para a manutenção do peso, na gravidez têm alguns limites. Não podem ser muito intensos, mas, ao contrário do que muitos pensam, podem sim ser praticados. Uma caminhada, por exemplo, não faz mal à maioria das grávidas e certamente contribui, e muito, para a elegância física da futura mamãe, além de ajudar também no bom funcionamento intestinal. O ideal é definir junto com o médico a quantidade e o tipo de exercício que pode ser feito - o que varia de mulher para mulher. O ideal é que a grávida chegue ao final do período gestacional com, no máximo, 12 quilos a mais do que seu peso antes da gravidez.
http://www.alobebe.com.br/site/revista/reportagem.asp?texto=407

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Outros calculos de quantidade de alimentos



Eu sempre fico perdida em quantidades de alimentos para festa. A gente nunca sabe se vai sobrar horrores, ou faltar. Já pensou a vergonha de acabar coca cola? Ou então vinho? Achei alguns sites na internet que indicam que há uma média do que é consumido, tenho seguido estas tabelas, e até agora, sem micos!!!!
Lembre-se sempre que toda festa é única – a quantidade de comida e bebida pode variar em razão do clima, horário, evento. Voce também conhece seus convidados como ninguem.


Canapés
4 a 5 unidades
• Eles podem até enganar a fome, mas não são feitos para empanturrar ninguém, por isso, de 4 a 5 unidades por pessoa está de bom tamanho se houver salgados.
Ou
12 a 15 unidades
Canapés e salgados quentes 12 a 15 unidades por pessoa se não houver salgados
Escolha pelo menos cinco opções e dê preferência aos patês e canapés de carpáccio ou salmão, que são leves e não têm quase nada de gordura.


Salgadinhos
12 a 15

• Salgados quentes 12 a 15 unidades por pessoa acompanhados de canapés
• Quando servimos somente coquetel, deve-se contar de 15 a 18 salgados por pessoa
• Se servimos um prato quente com o coquetel, esta quantidade diminui para 12 a 15 salgados por pessoa
• Se houver jantar completo, calcula-se uma média de 6 a 8 salgados por pessoa.
( Essas quantidades são para eventos bem servidos )
• Disponha de 12 tipos de salgadinhos para um coquetel ou de 5 tipos para o aperitivo de um jantar, calculando 4 por pessoa

Coquetel
• Coquetel de longa duração 12 unidades por pessoa
• Coquetel de curta duração 6 a 8 unidades por pessoa


Sanduíche
ou
• 1 metro de sanduíche cada 6 pessoas
• Mini-sanduíches 8 por pessoa
• Sanduíches 2,5 por pessoa

Queijo e Vinho
• Queijos e frios 150g por pessoa
• Pão 50 g por pessoa


Entradas e Pratos Quentes
Aqui não tem conversa, a conta é "um por um", ou seja, o número de convidados multiplicado pelo de pratos. Sem exageros, a melhor combinação ainda é: entrada + massa + carne

Vegetais
150 gramas

Arroz
Calcule 50 gramas de arroz por pessoa. Quando cozido o arroz triplica o seu peso, ou seja, 50 gramas de arroz cru são equivalentes a 150 gramas de arroz cozido

Massas
150 a 200 gramas
Calcule de 150 gramas de massas por pessoa, se for servi-lá como acompanhamento
Calcule de 200 gramas de massas por pessoa, se for servi-lá como prato principal.
Massa seca 100g por pessoa
Massa recheada 150 g por pessoa

alguns lugares aqui de Brasilia calculam 500 gramas de massa por pessoa! Particularmente, acho um exagero!

Camarão
Separe 70 gramas de camarão graúdo para cada pessoa (cerca de 7 unidades).

Carne e Peixes
Carne 180g. a 200g. por pessoa em um almoço ou jantar onde haverá outros pratos
Ave 180 g. a 200g. por pessoa em um almoço ou jantar onde haverá outros pratos
Prato de peixe 250g por pessoa

Churrasco
300 gramas por pessoa

Sobremesas
As sobremesas são mais difíceis de serem calculadas, porque umas costumam fazer mais sucesso que as outras. O ideal é fazer com que cada sobremesa dê para todos os convidados

Docinho
Quando são servidos depois da sobremesa, calcula-se 3 por pessoa
Sem sobremesa calcula-se de 5 a 6 docinhos por pessoa
Os docinhos obedecem ao mesmo cálculo dos salgadinhos
Não é um festa de criança, mas doces com chocolate e nozes não podem faltar. Escolha entre 4 a 8 tipos

Bolo
Calcule 100 a 150 gramas por pessoa (se a festa tiver muitos doces calcule 100g
• bolo para um jantar com sobremesa é de mais ou menos 60grs por pessoa, já para um evento sem sobremesa é de 100grs por pessoa
• Bolo com sorvete - Bolo 1 kg para cada 12 pessoas, sorvetes 2 litros para cada 8 pessoas


QUANTIDADE DE ALIMENTOS - FESTA

Em primeiro lugar devemos considerar que a quantidade irá variar em função dohorário da festa e dos convidados previstos.

Se a festa ocorrer no horário do almoço ou jantar, devem estar previstas 2 situações:

a) Oferecer uma refeição, em geral, uma massa com opção de molho ou duas massas cada uma com um molho diferente e uma salada simples e também salgados durante o resto da festa;
b) Oferecer salgados variados em quantidades maiores que o normal

Se a festa ocorrer à tarde:
a) Oferecer salgados variados.

Quantidades para cada ocasião:

Se a festa acontecer durante a semana, provavelmente o número de adultos será menor. Já no final de semana, deverão comparecer um maior número de adultos.

Festa à tarde

CRIANÇAS

7 salgados
4 doces
4 copos pequenos de refrigerante

ADULTOS

10 salgados
6 doces
7 copos pequenos de refrigerante

Festa em horário de refeição

CRIANÇAS

1 prato de massa ou outro
3 salgados
3 doces
4 copos pequenos de refrigerante

ADULTOS

1,5 pratos de massa ou outro
6 salgados
5 doces
7 copos pequenos de refrigerante

Quantidade de opções de salgados: 4 a 6
Quantidade de opções de doces: 3 a 4
Quantidade de opções de bebidas: 3 (2 refrigerantes e água)

domingo, 27 de setembro de 2009

Template para sapatinho de menino e de menina


FOFOMETRO EM ALTA!!!! É SO rechear com jujuba ou amendoas, colocar num saquinho, e é uma lembrancinha linda para maternidade ou chá de bebe!!!!!
O template tem no site da toda poderosa martha stewart, mas se voce quiser fazer no bom e velho papel, tá aí, para menino e menina, o template em jpeg!!!


sábado, 26 de setembro de 2009

Vamos preparar o seio para a amamentação ??

5 maneiras de preparar o seio para a amamentação

Especialistas lembram que não há comprovação científica sobre o sucesso das recomendações


Crescer


Fernando Martinho

· Sempre que possível, tome banho de sol nas mamas, por até 15 minutos, no horário das 8h às 10h;

· Opte por sutiãs de algodão: são mais higiênicos e deixam a região mais ventilada;

· Passe uma bucha vegetal nos seios enquanto toma banho, para estimular os mamilos;

· Se o seio rachar durante a gravidez, use vaselina pura ou produtos à base de lanolina;

· Conchas de amamentação ajudam a estimular o bico durante a gravidez.

http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI1666-10585,00-MANEIRAS+DE+PREPARAR+O+SEIO+PARA+A+AMAMENTACAO.html

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Mulher dá à luz um bebê de quase nove quilos


Uma mulher deu à luz um bebê de 8,7 quilos e 62 centímetros em um hospital da Indonésia nesta segunda-feira (21), segundo a agência de notícias EFE. A criança veio ao mundo através de cesariana, por decisão dos médicos e nasceu saudável no hospital da cidade de Medan, onde a mulher foi atendida. A mãe, que estava no nono mês de gestação, tem outros três filhos, que nasceram de parto normal com a ajuda de uma parteira, segundo o jornal digital Detik.

http://www.revistapaisefilhos.com.br/htdocs/index.php?id_pg=99&id_txt=2764

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Uso do Cinto de Segurança na Gravidez

Uso do cinto de segurança durante a gravidez


A Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina lançaram uma diretriz orientadora para definir o uso adequado do cinto de segurança durante a gravidez, com o intuito de esclarecer e reduzir ferimentos provocados por acidentes de trânsito.

Orientação
A mulher grávida quando motorista ou passageira de um automóvel deve:
• Usar sempre o cinto de segurança “tipo três pontos”;
• A parte pélvica do cinto de três pontos (faixa subabdominal) deve ser colocada abaixo da protuberância abdominal, ao longo dos quadris e na parte superior das coxas;
• A faixa diagonal deve cruzar o meio do ombro, passando entre as mamas e lateralmente ao abdome, nunca sobre o útero;
• Nunca colocar a faixa superior do cinto por trás do tórax nem tampouco colocá-la sob o braço ou na axila. Jamais sentar-se sobre a faixa inferior/pélvica (subabdominal) para utilizar unicamente a faixa superior/torácica (diagonal);
• Em veículos dotados de airbag utilizar apropriadamente o cinto de segurança e afastar o banco o máximo possível para trás, até o limite que permita o perfeito contato com o volante e com os pedais, quando na direção do veículo;

Riscos mais freqüentes em gestantes que não usam o cinto de segurança
• Óbito fetal
• Baixo peso ao nascimento
• Prematuridade
• Descolamento prematuro de placenta
• Hemorragias no parto
• Rotura uterina

Legislação Brasileira
No Brasil, cintos de segurança são equipamentos obrigatórios para todos os ocupantes de Veículos. Seu uso é obrigatório para todos os ocupantes do automóvel (condutor e passageiro) em todas as vias do território nacional.

http://www.bebe2000.com.br/

------------------------


Revista da Associação Médica Brasileira

Print version ISSN 0104-4230

Rev. Assoc. Med. Bras. vol.50 no.1 São Paulo 2004

doi: 10.1590/S0104-42302004000100023

DIRETRIZES EM FOCO
MEDICINA BASEADA EM EVIDÊNCIAS

Uso do cinto de segurança durante a gravidez*

Flávio Emir Adura; José Heverardo da Costa Montal; Alberto Francisco Sabbag

A mulher grávida quando motorista ou passageira de um veículo automotor deve:

•Usar sempre o cinto de segurança ''tipo três pontos''5 (A).

•A parte pélvica do cinto de três pontos (faixa subabdominal) deve ser colocada abaixo da protuberância abdominal, ao longo dos quadris e na parte superior das coxas6 (D).

•A faixa diagonal deve cruzar o meio do ombro, passando entre as mamas e lateralmente ao abdome, nunca sobre o útero6 (D).

•Nunca colocar a faixa superior do cinto por trás do tórax nem tampouco colocá-la sob o braço ou na axila7 (D). Jamais sentar-se sobre a faixa inferior/pélvica (subabdominal) para utilizar unicamente a faixa superior/torácica (diagonal)5 (A).

•Em veículos dotados de air bag utilizar apropriadamente o cinto de segurança e afastar o banco o máximo possível para trás, até o limite que permita o perfeito contato com o volante e com os pedais quando na direção do veículo8 (D).

•Os médicos perito examinadores, especialistas em Medicina de Tráfego, ao avaliarem uma gestante candidata à condução ou já condutora de veículo automotor, e mesmo na condição de ocupante não condutora do veículo, deverão alertá-la sobre os riscos de lesões traumáticas inerentes ao deslocamento dos veículos e orientá-la sobre a maneira de proteger a si própria e ao concepto que abriga em seu útero9 (B).

Comentário

As lesões causadas pelos acidentes de tráfego são as principais causas de mortes por traumatismo e a décima causa de todas as mortes em todo o mundo. Muitas destas lesões e mortes podem ser prevenidas por dispositivos de segurança, entre os quais, o cinto de segurança ocupa lugar de destaque. Seu uso reduz a mortalidade e a gravidade das lesões provocadas em ocupantes de veículos automotores envolvidos em acidentes.

O uso do cinto de segurança é recomendado para gestantes, mas muitas mulheres grávidas ignoram a forma correta de utilizá-lo, o seu posicionamento e as exigências legais, colocando a si próprias e ao feto em risco. Muitas gestantes pensam que usar o cinto de segurança é perigoso e que pode ser prejudicial para o feto, porém, na realidade, o seu uso confere proteção na imensa maioria das ocasiões.

Referências

1. Robertson LS. Estimates of motor vehicle seat belt effectiviness and use: implications for occupant crash protection. Am J Public Health 1976; 66:859-64.

2. Pearlman MD, Viano D. Automobile crash simulation with the first pregnant crash test dummy. Am J Obstet Gynecol 1996; 175:977-81.

3. Crosby WM, Snyder RG, Snow CC, Hanson PG. Impact injuries in pregnancy. I. Experimental studies. Am J Obst Gynecol 1968; 101:100-10.

4. The National Crash Analysis Center, The George Washington University Medical Center. National Conference on Medical Indications for Air Bag Disconnection, Washington, DC; 1997.

5. Hyde LK, Cook LJ, Lenora M, Olson MA, Weiss HB, Dean JM. Effect of motor vehicle crashes on adverse fetal outcomes. Obstet Gynecol 2003; 102:279-86.

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-42302004000100023&script=sci_arttext

soutien de amamentação


Depois de ver minhas petchugas saltarem do 40 para o 48 (ok, não estamos lá, mas quase, o 46 fica apertado, o 48 largo, seria um 47....) e de não estar mais podendo com meus tops, sai para comprar um porta peito, afinal, soutien vem de soutenir - sustentar, e era isso mesmo que eu tava procurando.

acabei comprando soutien de amamentação (afinal, nao adianta nada investir num bem precioso se não vou usa-lo daqui a alguns meses). Tantos modelos no mercado, qual escolher???

Acabei optando por um que sai COMPLETAMENTE. Otima escolha, segundo 2 amigas que estão amamentando, e disseram que o outro, que não sai de todo, acaba empedrando o peito, fica duro, elas odiaram. Mas, há quem diga que pode ser dificil colocar o seio de volta neste tipo de soutien.

Mas como escolher? O soutien certo, o bojo deve acompanhar o peito todo lateralmente, assim como o decote, SEM APERTAR!!!!!! Para os soutiens que voce vai usar durante a gestação (o recomendável é usa-los inclusive para dormir!!! a lei da gravidade tarda mas não falha....), podem ser comprados a partir do segundo mes, veja se o fecho dos colchetes estão no ultimo, assim, podem ser usados por mais algum tempo. Fuja dos que têm armação. Devem sustentar mas sem apertar. Os soutiens de amamentação, compre enquanto ainda estiver gestante! Lembre-se que quando o bebe vier, seu tempo será precioso demais para ir a loja comprar um singelo soutien. Veja se ele todo é confortavel - alças mais largas, costas também, nada de ficar criando pneuzinho. Lembre-se, também, que seu uso vai ser pelo menos pelos proximos 6 meses!!!! As vezes compensa usar um produto mais caro, mas que va durar este tempo todo.

É importante verificar também:

  • VISTA O SOUTIEN ANTES DE COMPRAR. – Voce vai saber se é bom para voce ou não apenas se vestir. Se voce comprava soutien sem vesti-lo antes da gravidez, é hora de mudar o habito. Coloque o soutien, e vista sua blusa. Veja qual o caimento dele na roupa. Mexa-se um pouco, e veja se o soutien acompanha o seu corpo.
  • É FACIL DE ABRIR/FECHAR? – Veja se o bojo sai facilmente. Se precisa de malabarismo para sair, desista. Veja se consegue abri-lo com uma mao só (na outra estará o bebê!!!). Lembre-se que com o bebe chorando, tudo isso vai parecer de uma engenharia complexa. Se agora já nao funcionou, pegue outro modelo.
  • SUSTENTAÇÃO - não queremos ter dores nas costas
  • TENHA MAIS DE UM - dizem que o ideal é de ter 3 ou 4...mas não menos que 2! Lembre-se : sujou de leite, voce vai ter que lavar...
  • Quando comprar? COMPRE da metade pro final da sua gravidez. Se seus soutiens acabarem na gravidez, não compre o soutien no numero certinho, mas dê uma folga para que haja espaço para a expansão das mamas.

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

atenção - uso obrigatorio de cadeirinhas

Segundo a Resolução 277/08 do Contran:

As crianças com até um ano de idade deverão utilizar, obrigatoriamente, o dispositivo de retenção denominado “bebê conforto ou conversível”

As crianças com idade superior a um ano e inferior ou igual a quatro anos deverão utilizar, obrigatoriamente, o dispositivo de retenção denominado “cadeirinha”

As crianças com idade superior a quatro anos e inferior ou igual a sete anos e meio deverão utilizar o dispositivo de retenção denominado “assento de elevação”.

As crianças com idade superior a sete anos e meio e inferior ou igual a dez anos deverão utilizar o cinto de segurança do veículo

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

PARA ESTE MES DE SETEMBRO

Setembro/2009
DomingoSegundaTerçaQuartaQuintaSextaSábado
Dia 1:
As infecções de bexiga são comuns. Para prevení-las consulte seu médico, caso sinta dor quando urinar. É conveniente realizar exames de urina de 3 em 3 meses.

Dia 2:
O pescoço do bebê é suficientemente longo para levantar a cabeça do corpo.

Dia 3:
Agachamento (dobrando-se os joelhos) e alongamentos são bons exercícios durante a gravidez.

Dia 4:
Semana no. 18.

Dia 5:
O bebê continua a produzir gorduras e músculos: torna-se mais forte a cada dia.

Dia 6:
O bebê pesa por volta de 220 gramas e em torno de 20 cm. de comprimento.

Dia 7:
O uso de sapatos sem saltos e confortáveis e o evitar de cruzar as pernas podem ajudar a prevenir varizes e espasmos.

Dia 8:
O fígado começa a produzir as células sangüíneas do bebê.

Dia 9:
Matricule-se em algum (bom) curso para grávidas.

Dia 10:
O dinheiro virá quando o bebê chegar. Preocupações excessivas causam stress desnecessário.

Dia 11:
Semana no. 19. A vesícula biliar torna-se funcional e começa a produzir bílis necessária para digestão.

Dia 12:
Diminua um pouco o ritmo de sua vida! Não corra tanto! Isto traz ansiedades.

Dia 13:
O bebê continua a mover-se, porém seus ossos são ainda muito macios para que a mamãe sinta.

Dia 14:
Sugerimos a leitura de livros sobre amamentação e cuidados com o seio.

Dia 15:
Equipamentos de ultra som podem usualmente ver a diferença entre menino e menina a partir desta época.

Dia 16:
As orelhas posicionam-se ao lado da cabeça e sobressaem-se.

Dia 17:
O bebê pesa por volta de 330 gramas e 25 cm. de comprimento.

Dia 18:
Semana no. 20. Sexto mês lunar.

Dia 19:
O melhor médico é aquele em que confiamos!

Dia 20:
Tenha certeza da escolha que fez do obstetra. O melhor médico é aquele em confiamos!

Dia 21:
Os dentes de leite começam a formar-se por baixo das gengivas.

Dia 22:
Flúor previne cáries no bebê.

Dia 23:
Os pêlos do corpo, incluindo as sobrancelhas e os cílios, começam a crescer.

Dia 24:
Pêlos que se chamam lanugem cobrem todo o corpo e face do bebê: antes do nascimento eles caem.

Dia 25:
Homeopatia também pode te fazer bem!

Dia 26:
Semana no.21. Andar a pé ou de bicicleta e nadar ajudam mamãe a manter a boa forma e tornam o parto mais fácil.

Dia 27:
Sugerimos a leitura de livros sobre exercícios durante a gravidez.

Dia 28:
O bebê continua a fortalecer-se: a mamãe pode sentir seus movimentos.

Dia 29:
Evite banheiras "jacuzzis", bronzear-se em excesso ou tomar duchas quentes: mantenha a temperatura de seu corpo baixa.

Dia 30:
O bebê pesa por volta de 460 gramas e mede 28 cm. aprox.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

E o centro de mesa


pronto...modelo feito. Depois é só fazer os outros.

domingo, 6 de setembro de 2009

Check List do Cha de Fraldas

Sim, a desesperada que vos escreve JÁ começou a preparar o chá de fraldas da Giulia. Primeiro que estou com tempo de sobra, e aproveitar também que a mente vai longe, e tenho tempo para procurar o que quero.

Como toda festa, iniciei pelo princípio - O QUE, QUANDO, ONDE, E PARA QUANTOS. Olhando as datas, queria o ultimo sabado de novembro, mas coincidiu de ser o mesmo dia de falecimento do meu pai. Foi para 05 de dezembro (estarei de 31 semanas) Para saber onde, tive que ver para quantos. Quantos? deu quase 80 pessoas!!! Isto porque estou chamando só as mulheres (com as crianças, claro). Solução - salao de festa do predio. Vantagem: não tem que limpar depois!!!!! rs

Com estes dados já guardados, comecei a ver os demais. O que servir? a que horas vai ser? Bem, aqui em Brasília costuma-se fazer chá de bebe as 17h00, entao, assim será.

Como convidar
Criei um convite a partir de alguns que catei na internet. Dentro vai um saquinho de chá e o convite propriamente dito. A parte externa (feita em cartolina lilás) já está pronta. Falta só o chazinho e imprimir o convite.

Decoração
Depois de muito pensar, acabei optando pelo tema BAILARINA para o chá de bebe. Ok, não tem nada a ver comigo que já joguei futebol algum dia na minha vida, que passei os ultimos anos enfrentando 5K pelo DF, mas não dá para forçar a barra com a Giulia já antes de ela nascer!!!! O tema do futuro quarto não está definido (só teremos quarto lá para junho do ano que vem). Os centros de mesa serão caixas de madeira, com flores de papel crepom, conforme postado anteriormente - assim sobra mais $$$ para outras coisas. As lembrancinhas para as meninas - bailarinas de pano (10cm) e para os meninos, mamadeira recheada de marshmallow. Para os meninos eu ainda estou pensando.....não sei se vai ter algo para eles!!! (coitados).

Estou procurando (e achando) idéias no site da mestra absoluta Martha Stewart. Como tem tempo de sobra, dá para fazer. Já consegui arrebatar algumas forminhas para a mesa de doces do casamento da minha irmã (momento - mão de vaca). SE sobrou, vou usar!!!!

Buffet
considerando dia e hora, vai ser um lanche da tarde mesmo. Encomendarei TUDO num lugar BBB que conheço, e ainda entregam. A única coisa além vai ser o bolo, docinhos (não abro mão) e se a minha querida amiga me empresta - fonte de chocolate...rs Ah, e cachorro quente para a molecada.

por enquanto...that´s all, folks

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

MOMENTO: não sei se gostei....não sei se não gostei


bolo para chá de bebê. Diferente...mas.....não sei exatamente que sentimento despertou em mim.